07/01/13 - Mais caro, sorvete vende abaixo do esperado em 2012

 

Apesar da inflação acumulada de janeiro a novembro deste ano ter sido de 5,01%, o preço dos sorvetes já subiu 12,68% no mesmo período, segundo o IBGE (Instituto Brasileira de Geografia e Estatística).

Isso combinado a outros fatores, como as temperaturas baixas no início do ano e o maior endividamento do consumidor, que reduz o dinheiro disponível para compras de impulso, fez com que o mercado de sorvetes desacelerasse em 2012. O crescimento do volume vendido neste ano não deve chegar a 5% em comparação com 2011, quando 1,16 bilhão de litros foram produzidos e o faturamento foi de R$ 4 bilhões.

 

Sendo um produto comprado com o dinheiro “que sobra” no bolso do consumidor, o sorvete perdeu espaço até mesmo para as compras parceladas. “Nosso maior inimigo é o celular, que disputa o dinheiro disponível do consumidor", diz Eduardo Weisberg, presidente da Abis (Associação Brasileira das Indústrias de Sorvetes).

Nesse cenário de preços mais altos, os sorvetes mais básicos perdem espaço, enquanto as linhas “premium” crescem nos supermercados. No Walmart, os produtos à base de iogurte cresceram mais de 60% entre janeiro e novembro deste ano, em relação a 2011, e dobraram sua participação na categoria de sorvetes da rede. No Pão de Açúcar, os sorvetes especiais já representam 12% das vendas totais da categoria, enquanto picolés e potes de 1 litro perdem espaço.

Fonte: Valor Econômico