Os “atletas” disputaram nas categorias garçons até 30 anos, acima de 30 anos e portadores de necessidades especiais

alt

Vencedores da corrida da Abrasel na categoria pessoas com deficiência. Crédito: Ludmila Amâncio


Garçom há dez anos, Alex Pereira Martins, de 34 anos, nunca tinha disputado uma corrida antes. Logo na primeira vez, conquistou o primeiro lugar. Além da velocidade, Alex conseguiu equilibrar cinco latinhas de cerveja em uma bandeja. “Não digo que foi fácil. Deu até um frio na barriga. Até um primeiro momento, nenhuma lata tinha caído. Mais pro final, uma delas caiu, mas caiu na bandeja. Se caísse no chão eu tinha sido desclassificado. Mas no final deu tudo certo”, contou o garçom que venceu na categoria acima de 30 anos.

A corrida de garçons e garçonetes já está na sua sétima edição. Ela é organizada pela Abrasel em Minas Gerais. Os “atletas” disputaram nas categorias garçons até 30 anos, acima de 30 anos e portadores de necessidades especiais. A concentração foi neste sábado, na Praça da Assembleia, no bairro Santo Agostinho, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Os competidores percorreram 150 metros, dentro do entorno da praça.

O 1º colocado de cada categoria recebeu um prêmio de R$300. O 2º lugar recebeu R$200 e o 3º colocado faturou R$100. “Agora a meta é tomar o lugar do Bolt”, brincou Alex que depois de vencer a corrida seguiu direto para o restaurante onde trabalha. “Já estou trabalhando. Agora muito mais animado, né?”, disse ele. Vencedores

Categoria mais de 30 anos
1 - Alex Pereira Martins
2 - Moisés dos Santos
3 - Célio Gomes


Categoria até 30 anos
1 - Isac Schevenck
2 - Júnio Almeida
3 - Josias Soares

Categoria pessoas com deficiência
1 - Hamilton Almeida
2 - Lílian Figueiredo
3 - Luan Silva

Fonte: G1