11/05/2016 - Projeto incentiva doação de alimentos com ‘Delivery Reverso’

CLIPPING - NOTÍCIAS DOS PRINCIPAIS VEÍCULOS DO PAÍS

 

Reverse Delivery é uma iniciativa aberta, ou seja, qualquer restaurante de qualquer cidade pode participar

 

 

Um estudo divulgado em 2013 revela que, por ano, 1,3 bilhão de toneladas de alimentos são jogadas fora. Isso significa, mais ou menos, 750 bilhões de dólares que vão para o lixo, 250 quilômetros cúbicos de água consumidos e 805 milhões de pessoas que poderiam ter sido alimentadas.

Pensando nesse desperdício, a agência Grey e a ONG Banco de Alimentos criaram o ‘Delivery Reverso’. Funciona assim: o cliente faz um pedido num dos restaurantes que participam da campanha e será questionado se deseja fazer uma doação de alimento para a organização. Dessa forma, o motoboy que levará a refeição até sua residência fará a coleta do alimento; a responsável por distribuir as doações será a própria ONG.

“Apesar de o brasileiro estar disposto a doar alimentos para quem precisa, a falta de tempo e a famosa preguicinha acabam fazendo com que boa parte das doações não se concretizem“, afirma Rodrigo Jatene, da agência Grey.

O estabelecimento que quiser se cadastrar para fazer parte do projeto, desde que ofereça o serviço de delivery, pode acessar o site da campanha. Os 25 primeiros restaurantes receberão treinamento e uma mochila desenvolvida para facilitar o transporte dos alimentos doados.

Reverse Delivery é uma iniciativa aberta, ou seja, qualquer restaurante de qualquer cidade pode participar. Tudo que ele precisa é de que uma ONG local passe para buscar os alimentos no estabelecimento. Em São Paulo, a ONG que faz a parceria é o Banco de Alimentos.

 

Fonte: Inteligemcia, com informações do Projeto Delivery Reverso.