28/01/2015 - Folia em Belo Horizonte terá comércio fechado

CLIPPING - NOTÍCIAS DOS PRINCIPAIS VEÍCULOS DO PAÍS

 

Bares e restaurantes, no entanto, prometem funcionamento maior e esperam crescimento superior a 30% nas vendas

 

Mesmo com a grande expectativa de público para o Carnaval de Belo Horizonte deste ano, os foliões que ficarem ou vierem para a capital encontrarão lojas e supermercados fechados durante boa parte da festa. A medida será adotada em função de acordos e leis trabalhistas relacionadas ao comércio da cidade.

 

 

“O comércio ficará fechado de segunda até as 12h de quarta-feira. A terça-feira é feriado municipal para o setor. Já a segunda-feira, há um acordo na convenção coletiva do ano passado que transferiu o feriado do dia do comerciário, em 22 setembro, para essa data”, explicou a advogada da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais (Fecomercio) Poliana Fonseca.

De acordo com ela, mudanças no horário de funcionamento das lojas durante esse período poderão ser realizadas a partir de 2016. “Esse crescimento no Carnaval de Belo Horizonte é algo novo, pois antes a cidade ficava vazia. Nas próximas convenções iremos discutir essa questão, mas, para esse ano, não temos o que fazer. No sábado e domingo, o funcionamento será normal”.

Apenas no caso dos supermercados, o único dia em que o fechamento será obrigatório será a segunda-feira de Carnaval, ficando os outros dias a critério dos estabelecimentos.

 

Bares.

As mesmas regras não valem para os bares e restaurantes da cidade. Diferentemente do ano passado, eles prometem um funcionamento maior e esperam um crescimento superior a 30% nas vendas.

“Estamos realizando uma campanha nos bares da cidade para mostrar esse novo movimento e estamos tendo um retorno muito positivo. É preciso entender que Belo Horizonte se transformou em uma cidade carnavalesca, e não se pode mais fechar as portas como antigamente. A população pede por isso”, disse Lucas Pêgo, diretor executivo da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Minas Gerais (Abrasel-MG).

Pêgo esclarece que, apesar da grande oferta de bares, a maioria das boates e pubs da capital ficará fechada no Carnaval. “Para este ano, ainda será assim. Até porque o Carnaval de Belo Horizonte é muito de rua, movimentado por blocos populares. Um Carnaval dentro de boates ainda é algo que precisa ser trabalhado, e é preciso planejamento”.

 

Lei municipal para o Comércio.

A Lei 5.913, de 1991, que estabelece o horário de funcionamento do comércio da capital, também determina que em toda terça-feira de Carnaval será feriado para a categoria.

 

Fonte: O Tempo