26/11/2014 - Formalizada a criação da UNECS

CLIPPING - NOTÍCIAS DOS PRINCIPAIS VEÍCULOS DO PAÍS

 

Abrasel faz parte da União Nacional das Entidades de Comércio e Serviços, formalizada neste mês

 

Durante a solenidade em comemoração ao Dia Nacional do Supermercado, realizada em São Paulo pela ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados), no último dia 12, foi formalizada a criação da UNECS (União Nacional das Entidades de Comércio e Serviços), com a assinatura do Termo de Adesão e do Regimento Interno pelas entidades componentes. A criação da nova entidade foi anunciada em 16 de setembro, na Convenção ABRAS.

 

As entidades constituintes da UNECS são: ABRAS, Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), ABAD (Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores), Alshop (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping), Anamaco (Associação Nacional de Materiais de Construção) , CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) e CACB (Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil).

 

A foto traz os signatários da formação da nova entidade, estando ausente apenas o presidente da CACB, José Paulo Dornelles Cairoli:

 

• Nabil Sahoun, presidente da Alshop;

• Joaquim Saraiva de Almeida, conselheiro da Abrasel;

• Geraldo Cordeiro de Jesus, presidente do Conselho Deliberativo da Anamaco

• Leonardo Miguel Severini, vice-presidente da ABAD

• Roque Pellizzaro Júnior, presidente da CNDL

• Fernando Teruó Yamada, presidente da ABRAS

• Francisco Honório Pinheiro Alves, presidente eleito da CNDL, a ser empossado em 1º de janeiro de 2015

 

A UNECS já nasce gigante: os segmentos por ela representados atingem um faturamento conjunto de R$ 788,4 bilhões, ou 16,3% do PIB. Esses números equivalem a 83,7% das vendas da indústria de alimentos e bebidas, 89,6% das vendas do food service (alimentação fora do lar) e 64,9% das operações com cartão de crédito e débito no Brasil. Esses segmentos também são responsáveis por 9,22 milhões de empregos, ou 19,4% das vagas formais do país.

Vale lembrar que a UNECS não é uma entidade jurídica e não tem grupo diretivo. A proposta é que ela seja realmente uma instância de união, como o próprio nome indica, e a voz única dos setores de Comércio e Serviços, contribuindo para debater e compartilhar ideias e oportunidades, bem como dar peso ainda maior a essas entidades nacionais na defesa de assuntos e temas relevantes para os setores envolvidos, em especial perante órgãos governamentais e fornecedores. Os primeiros temas de interesse comum a serem discutidos são a simplificação tributária e o aperfeiçoamento dos meios de pagamento.

 

Fonte: ABAD News *Matéria na íntegra disponível no site