07/03/14 - É hora de relaxar

CLIPPING - NOTÍCIAS DOS PRINCIPAIS VEÍCULOS DO PAÍS

Veja algumas dicas de como descansar e cuidar da saúde, sem precisar se afastar do trabalho

Início de ano é sinônimo de descanso para muita gente. Porém, para quem é dono de um bar ou restaurante, é nesse período que mais se trabalha e fica difícil se desligar totalmente dos afazeres para descansar. Nos estabelecimentos localizados no litoral do país é preciso estar a todo vapor para receber os turistas no Carnaval e feriados. Já naqueles de pouca demanda, é o momento de pagar as contas do início de ano e colocar a casa em ordem. Viajar não está nos planos dos empresários, mas existem algumas alternativas para relaxar, mesmo trabalhando, fazendo com que esse período seja menos cansativo e mais prazeroso.

Claudia Wanderck, fisioterapeuta do trabalho que atua com ginástica laboral, diretora da Long Life Fisioterapia, de Blumenal (SC), explica que se desligar um pouco do trabalho é fundamental para reduzir e evitar o estresse, mesmo que seja apenas após o expediente. “É importante que, depois das atividades do dia, a pessoa desacelere. Praticar atividades físicas com frequência é uma dica para quem quer manter a saúde. O trabalho é importante, mas saber relaxar nas horas de folga é essencial para manter a produtividade”, alerta.

Uma dica é a ginástica laboral, fundamental para a qualidade de vida dos profissionais, que consiste em uma série de exercícios físicos, realizados no ambiente de trabalho, com o objetivo de melhorar a saúde e evitar lesões por esforço repetitivo e algumas doenças ocupacionais. A ginástica laboral tem como base os alongamentos de diversas partes do corpo, como tronco, cabeça, membros superiores e inferiores.

De acordo com Claudia Wanderck, ginástica laboral é indicada três vezes por semana, com sessões de dez a 15 minutos. “Pode parecer pouco, mas já é o suficiente para evitar diversos problemas de saúde, como as dores e tensões, melhorando a postura, prevenindo lesões – especialmente as geradas por encurtamentos musculares – melhorando a disposição e reduzindo o sono no trabalho”, avalia. Outro cuidado importante, de acordo com a fisioterapeuta, é com a postura. Manter-se ereto e levantar peso de forma correta, são alguns exemplos.

Pausa é fundamental

A maioria dos proprietários de bares e restaurantes trabalha o dia inteiro de pé. Com isso, forçam bastante os membros inferiores e a coluna lombar. Por isso, a fisioterapeuta alerta que essas áreas devem ser relaxadas com frequência durante o expediente.

A cada uma ou duas horas, Claudia Wanderck aconselha realizar um alongamento, que auxilia na redução da fadiga da permanência na postura em pé constante, além de, dentro do possível, sentar-se por alguns minutos. “Quando o trabalho envolver o uso de bandejas para transportar os alimentos ou bebidas, um cuidado especial com o ombro e punho direito são fundamentais, pois certamente ao final de um dia de atendimento essas áreas estarão bastante fadigadas”, reitera.

Alongar punho, ombro e coluna cervical, principalmente do lado que tem a exigência, é vital para não desenvolver doenças do membro superior. Outro detalhe importante, de acordo com a fisioterapeuta, é estar preparado fisicamente para essa atividade. Alongamentos e exercícios para melhorar o condicionamento físico fazem toda a diferença e auxiliam na manutenção de uma boa saúde no trabalho.

Fonte: Revista Meu Negócio Minha Vida ed.7