07/02/14 - Refeição principal

CLIPPING - NOTÍCIAS DOS PRINCIPAIS VEÍCULOS DO PAÍS

 

Testamos (e aprovamos) 15 cafés da manhã em que o pão com manteiga ‘concorre’ com muitos outros bons quitutes.

Muitos defendem que ela é a refeição mais importante do dia. Mas, discussões nutricionais à parte, o café da manhã pode ser a refeição mais… gostosa do dia. E também a mais democrática. Nele, vale desde um simples pão na chapa com manteiga até panquecas, tapiocas, waffles e ovos mexidos com bacon.

Por isso, o Divirta-se visitou 15 lugares da cidade que servem boas opções de desjejum. E não pense só em padarias – há restaurantes, edifícios históricos e até bares com menus do tipo (em alguns, durante o dia todo!). Com tantas opções, vai ser difícil alguém querer pular essa refeição.

 

DELICADA E CHARMOSA

O nome condiz perfeitamente com a casa. Inaugurada em agosto do ano passado, a Deliqatê é delicada em todos os aspectos, desde o cardápio até a decoração. E tem um conceito bacana: serve café da manhã o dia inteiro. Entre as opções, a cesta de pães (R$ 12) reúne tipos variados, com acompanhamentos à sua escolha. Combinações como a manteiga de maçã defumada e o doce de leite com café estão entre as boas pedidas. Para beber, o tradicional suco de laranja (R$ 7,50) funciona bem nos dias quentes. Se ainda sobrar um espaço para o doce, não deixe de provar a panqueca. Três enormes discos recebem uma calda de mel e frutas (R$ 13) e servem duas pessoas. Por R$ 4, dá para incrementar o quitute com gotas de chocolate.

ONDE: Al. Jaú, 1.191, Jd. Paulista, 3063-4988. Café da manhã: 8h/20h (2ª e 3ª, 8h/16h; sáb., 9h/20h; dom., 9h/16h).

 

INFLUÊNCIA DO TIO SAM

Na Fresto, também dá para tomar café da manhã a qualquer hora do dia. A casa lembra as populares ‘delis’ (abreviação de delicatessen)de Nova York. A decoração é sóbria e dá um ar aconchegante ao ambiente. O menu lista opções ao estilo da cozinha do Tio Sam – com influências de outros países –, como o ‘Combinado Americano’ (R$ 13,90; foto), que traz bagel de grãos na chapa, cream cheese, ovos mexidos e uma farta porção de bacon. Já o ‘Combinado Moderno’ (R$ 15,40) chega à mesa com pão australiano na chapa, requeijão e omelete de peito de peru com queijo branco. Mais leve, a salada de frutas (R$ 5,40) vem com pedaços de maçã, mamão, abacaxi e melão, ‘refrescados’ com suco de laranja.

ONDE: R. Iguatemi, 512, Itaim Bibi, 3073-0794. Café da manhã: 7h/22h (sáb., 10h/18h; fecha dom.).

 

ABRINDO O APETITE

Acomodar-se em uma mesa para o café no P.J. Clarke’s pode levar até 40 minutos. Enquanto isso, vá tomando um suco de melancia e encare a espera como um álibi para abrir o apetite. Há batata rústica, bacon, linguiça, salmão, bolos, ovos e pães. Panquecas e waffles podem ser saboreados com várias coberturas (prove a de morango). Se desejar iogurte batido, com leite ou frutas, peça ao garçom. Sai por R$ 42 (R$ 22, para crianças de 2 a 10 anos).

ONDE: R. Dr. Mário Ferraz, 568, Itaim Bibi, 3078-2965. Café da manhã: sáb., dom. e fer., 9h30/14h30.

 

BREAKFAST HYPE

Point dos moderninhos baladeiros, o Paris 6 também conta com serviço de café da manhã. O preço não é compatível a pequena variedade de itens (R$ 25), mas vale pela tapioca recheada com doce de leite e pelo omelete de peito de peru, inclusos no menu.

ONDE: Al. Tietê, 279, Jd. Paulista, 3060-9343. Café da manhã: todos os dias, 7h/12h.

 

COMO OS GREGOS

Com ambientação de boteco (mesas de madeira, quadros do Corinthians e da Seleção Brasileira), o Acrópoles é um pedaço da Grécia em São Paulo. Pela manhã, o restaurante oferece aquele café básico, mas vale conferir também os folhados de creme e nozes (R$ 7, a unid.) preparados pela casa.

ONDE: R. da Graça, 364, Bom Retiro. 3223-4386. Café da manhã: todos os dias, 8h/12h

 

AO ESTILO AMERICANO

Na rede A Chapa, o café da manhã é ao estilo americano. Por isso, vá preparado para se fartar, pois a combinação mais básica, o ‘Morning Bacon’ (R$ 21), inclui dois ovos fritos, fatias de bacon crocantes e duas panquecas acompanhadas de maple syrup. Quem sente falta de um pãozinho pode arriscar as fofinhas ‘french toasts’ de brioche (R$ 14), mas se a ideia é investir mesmo nas panquecas, prove as de mirtilo (R$ 22). Para completar a refeição, peça suco de laranja (R$ 6,50) e o Café Suplicy (R$ 4), que dá para tomar à vontade. Tem mais quatro endereços.

ONDE: Al. Santos, 24, Paraíso, 3051-4545. Café da manhã: todos os dias, 7h30/11h30.

 

GIRO HISTÓRICO

No térreo do Edifício Martinelli, no Centro, o Café Martinelli-Midi oferece o ‘Café da Manhã do Comendador’ (foto à esq.), à la carte, por R$ 25. Servido pelas simpáticas atendentes do local, o desjejum é generoso: café, chá, chocolate ou café com leite, além de suco, fruta da época, torrada ou pão francês, bolo, porção de presunto e queijo, mel, iogurte natural, entre outros. Antes ou depois de ir ao Café, aproveite para subir até o 26º andar do prédio (foto à dir.) e ter uma visão privilegiada de São Paulo. As visitas, guiadas, são gratuitas e na parte da manhã, realizadas de 2ª a 6ª, das 9h30 às 11h30; e sáb., dom. e fer., a partir das 9h.

ONDE: R. Libero Badaró, 508, 3104- 6825. Café da manhã: 2ª a 6ª, 7h30/10h.

 

CENÁRIO BUCÓLICO

A primeira parte do café da manhã na Fundação Maria Luisa e Oscar Americano é um passeio. Criado em 1974, o lugar fica em um parque de 75 mil m², com grandes árvores e esculturas espalhadas ao longo das alamedas. Um respiro em meio à atribulada São Paulo. É possível visitar também seu museu, cujo acervo data do século 17 ao 21. A entrada custa R$ 10. O café da manhã em si é servido, a R$ 58, na sala de chá. Com quatro tipos de pães e frios, várias tortas, doces e salgadinhos, prato quente e bebidas quentes e geladas, a seleção é variada, porém básica.

ONDE: Av. Morumbi, 4.077, Morumbi. 3742-0077. Café da manhã: 3ª a dom., 10h/17h.

 

SANTO DESJEJUM

No Mosteiro de São Bento, quinzenalmente, uma missa e apresentação musical antecedem o café da manhã realizado no local. Aproveite para pedir perdão pela gula, pois, quando o café for posto, você dificilmente resistirá à mesa farta. Depois, há um tour pela área interna. Custa R$ 178 e é necessário agendar. No dia a dia, a padaria da igreja vende pães e bolos.

ONDE: Lgo. São Bento, s/nº, metrô São Bento, 2440- 7837. Café da manhã: dom., 10h/17h.

 

A QUALQUER HORA

Até pouco tempo atrás, quem encerrava a balada morrendo de fome tinha de se contentar com os fast-foods do bairro. A novata Padaria Moema tenta cobrir essa lacuna. Aberta 24 horas, a casa tem um salão modesto (50 lugares) e concorrido, principalmente aos fins de semana. O bufê de café da manhã é bem servido e com preço justo para a região: R$ 16,90. Aos sábados e domingos, passa a R$ 25,90 e ganha um reforço substancial na variedade de itens. Se seu apetite pela manhã é grande, o generoso beirute de frango (R$ 19,70) cairá bem – ah, vem com fritas. E – pasme! – você pode pedir também temakis, sushis e sashimis, caso queira iniciar seu dia saboreando iguarias da culinária japonesa. ONDE: Av. Miruna, 561, Moema, 5093-9948. Café da manhã: todos os dias, 6h/11h30.

 

Fonte: Estadão - Para ler a matéria na íntegra visite o site blogs.estadao.com.br