20/09/2013 - Qualidade no atendimento

Receber bem o cliente causa boa impressão e reflete positivamente no faturamento do negócio de bares e restaurantes.

A parceira entre a Abrasel e a rede Makro para a realização da Semana do Cliente Profissional continua ao longo do ano. O programa inclui uma série de cursos que ocorrem durante três dias seguidos, nas unidades da rede atacadista em todo Brasil. Dessa vez, o assunto trabalhado foi “Qualidade no atendimento – aumento de clientes”. Durante o evento, uma carreta-escola é posicionada no estacionamento da Makro e segue a programação estabelecida. As aulas são voltadas para empreendedores, trabalhadores e demais interessados em desenvolver profissionalmente suas aptidões e habilidades no setor de alimentação fora do lar.

Um bom atendimento é fundamental, sobretudo em bares e restaurantes. Independentemente do tipo de serviço – à la carte, self-service, fast food, rodízio ou delivery – oferecido, é preciso lembrar que a primeira impressão é a que fica e o estabelecimento não terá uma segunda oportunidade de causar uma boa impressão. É preciso estar sempre atento ao tipo de comanda utilizada (manual ou eletrônica), à comunicação com a cozinha, à limpeza do salão e à gestão do negócio. O uniforme utilizado pelos empregados, a linguagem verbal e corporal, e a apresentação do cardápio fazem toda a diferença no resultado final. Para dar um toque especial, uma boa decoração também pode encantar o consumidor.

O empresário, ainda, precisa ficar atento em descrever sempre as funções dos empregados. As tarefas devem ser definidas para que ninguém trabalhe muito ou pouco. Quem fica responsável pela organização e higienização? E acomodação, recepção, apresentação do cardápio, anotação do pedido e fechamento da conta? Tudo isso precisa estar claro.

Um bom caminho para criar um ambiente de organização é criar o famoso check list (lista de tarefas a serem feitas e checadas). Ao planejar as ações fica mais fácil padronizar, conferir e diminuir os erros.

Um atendimento de qualidade a clientes especiais é um diferencial dos estabelecimentos. Para crianças é importante oferecer utensílios de plásticos, cadeirinha, papel e lápis colorido, brinquedos e, se possível, monitores. Já para os idosos é fundamental proporcionar acessibilidade, atenção, comodidade e conforto. No caso de pessoas com necessidades especiais, vale a pena investir em banheiros adaptados, mesas adequadas, rampas para acesso e itens que facilitem a mobilidade.

Fonte: Revista Meu Negócio Minha Vida nº 4