Semana Nacional de Trânsito

Entre os dias 18 e 25 de setembro comemora-se a Semana Nacional de Trânsito, instituída pelo Código de Trânsito Brasileiro. A cada ano, um tema é estabelecido para chamar atenção da população para graves problemas que envolvem o trânsito no Brasil. Em 2013, o tema escolhido pelo Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN) foi "Álcool, outras drogas e a segurança no trânsito: efeitos, responsabilidades e escolhas."

Essa é uma questão importante, que merece toda atenção e destaque dos órgãos públicos e privados. Em 2011, segundo o Ministério da Saúde, o trânsito matou 44.500 pessoas em todo o Brasil. Do total de óbitos, 7.500 (17%) ocorreram no estado de São Paulo.

O tema da Semana Nacional deste ano está inserido na Década Mundial de Segurança no Trânsito 2011-2020, uma iniciativa global instituída pela ONU com o objetivo de reduzir, em todo o mundo, o número de mortes e sequelas graves em decorrência de acidentes. O Brasil ocupa o quarto lugar na lista dos países nos quais o trânsito mais mata, atrás apenas de Nigéria, Índia e China.

Como tem declarado reiteradamente nosso diretor-presidente, Daniel Annenberg, o Detran.SP não é contra o consumo de álcool. O Detran.SP é contra as pessoas dirigirem depois de beber. Nesse sentido, temos atuado em parceria com diversos representantes do setor privado, na discussão de temas como consumo responsável e mobilidade urbana, para evitar que os motoristas misturem álcool e direção. De acordo com estudo do Ministério da Saúde, 21% das vítimas de trânsito atendidas na rede pública de saúde brasileira em 2011 tinham consumido bebida alcoólica.

Durante a Semana Nacional de Trânsito, o Detran.SP fará diversas ações na Capital e nas cinco cidades mais populosas do Interior e Litoral: Santos, Sorocaba, São José dos Campos, Campinas e Ribeirão Preto.

Gostaríamos de contar com seu apoio para sensibilizar seus clientes sobre essa questão, autorizando a realização da intervenção teatral “Dose Dupla”, na qual duas atrizes invadem os bares da cidade vestidas como se fossem gêmeas, mas na verdade são a mesma pessoa. Uma que brinca estar levemente embriagada, diz que tomou uma “cervejinha” e que está indo embora de carro, enquanto a outra atriz que representa a consciência tenta convencê-la de pegarem um taxi.

Com figurinos idênticos e bem chamativos, a dupla diverte o público abordando um assunto sério de forma lúdica e responsável. O objetivo é transmitir os conceitos e dicas de comportamento seguro e solidário no trânsito, e envolver o público alvo na “brincadeira” proposta pela ação, no intuito de melhorar a forma como nos comportamos e nos relacionamos a partir do momento em que saímos de casa.

Além de tornar os espectadores multiplicadores, esta ação associa os estabelecimentos envolvidos a um projeto cultural / educativo de qualidade.