17/02/12 - Forno de Minas namora empresa da Espanha

Ingapan, indústria de pães com presença em 22 países, negocia uma possível joint-venture com a empresa mineira a fim de abrir uma fábrica no Brasil

Após vender o negócio em 1999 para a americana General Mills, e ter de recomprá-lo dez anos depois, sócios da Forno de Minas agora negociam com a indústria de pães espanhola Ingapan, que há dois anos tenta fugir da crise na Europa e trazer seus produtos ao Brasil.

Com presença em 22 países e negócios superiores a ¤ 80 milhões, a Ingapan negocia uma parceria estratégica com a indústria de pães de queijo mineira.Segundo apurou o BRASILECONÔMICO, inicialmente, o interesse da empresa era abrir uma fábrica solo no país, mas devido a burocracia, preferiu buscar um sócio local. Os termos do negócio ainda não foram acertados,e não se descarta, inclusive, a possibilidade de uma joint-venture, já que ambas as empresas mostram interesse em expandir para fora de seus respectivos países.

A Forno de Minas confirmou que “está em contato com a panificadora espanhola Ingapan para viabilizar o intercâmbio entre as duas marcas”. Segundo a empresa, “o objetivo é apresentar o tradicional pão de queijo mineiro ao mercado espanhol e, em contra partida, oferecer ao mercado nacional, os produtos da empresa de pães”. A Forno de Minas afirma ainda que “as empresas estão em negociação e nenhum acordo foi oficializado até o momento”. O diretor comercial do Grupo Ingapan, Manuel López, também confirmou as negociações, ressaltando que os produtos da empresa “em breve serão comercializados no Brasil”.

A Ingapan contatou no ano passado a BPA, empresa brasileira voltada para fomentar negócios com estrangeiras, para fazer a aproximação com o varejo nacional. Após os contatos com o Forno de Minas, porém, a Ingapan dispensou a BPA, que hoje alega ter um contrato de exclusividade com a espanhola.“Trabalhamos a entrada da empresa no país por um ano e meio e fomos surpreendidos quando eles decidiram nos tirar do negócio”, explicou um diretor da BPA, que garante ter direito sobre as vendas de produtos e negócios da empresa no país.

Passado comum

Assim como a Forno de Minas, a Ingapan também é uma empresa familiar, fundada em 1959, com a abertura da padaria Chousa, na Galícia. A empresa foi nomeada Ingapan em 1993, quando iniciou sua expansão com o lançamento de franquias de alimentos e serviços para o mercado de alimentação fora do lar. A Forno de Minas foi vendida em 1999 para a General Mills e recomprada pelos fundadores em 2009. A previsão é que a empresa alcance um faturamento de R$ 150 milhões neste ano, 50% a mais do que em 2011.

 

Fonte: Brasil Econômico